Sábado de sol na feira do Campo dei Fiori, Fontana di Trevi, Pantheon e arredores

DIA 09 DE MARÇO DE 2013
(Fontana di Trevi, Piazza della Rotonda, Largo di Torre Argentina, Campo dei Fiori, Pantheon, Piazza Colonna, Piazza Montecitorio, Via del Corso, Scalinata de Spagna e Via Veneto)

O sábado foi nosso ultimo dia inteiro em Roma e felizmente o tempo estava ótimo. Nossa despedida foi em um lindo dia de sol.

De cara, partimos para conhecer na luz do dia duas atrações obrigatórias que ainda estavam pendentes.

Começamos pela Fontana de Trevi, pois no dia que visitamos a fonte mais famosa de Roma, era noite e estava uma chuvarada danada!

20130310-232245.jpg

Eu posando em frente a Fontana di Trevi

Foi uma visão completamente diferente e apesar do local estar lotado de turistas, a fonte fica ainda mais bonita com a luz do dia, realçando o contraste entre o azul e branco.

Vista lateral da Fontana di Trevi com a multidão de turistas ao fundo

Vista lateral da Fontana di Trevi com a multidão de turistas ao fundo

Lutamos pelo nosso espaço em frente a fonte e garantimos nossa volta a Roma jogando mais uma moedinha. Vai que aquela moeda de Real deixou o deus dos mares ofendido?
O pior é que depois descobrimos um detalhe técnico: a moeda tinha que ser jogada de costas e nas duas vezes, foi jogada de frente… E aí Arnaldo? O lance foi legal ou estava impedido?

Deixa pra lá, é preciso muito mais do que 0,10€ pra podermos voltar pra Roma, então acho que não vai fazer tanta diferença, né?

Fato engraçado: vimos uma velhinha acima dos degraus que dão acesso a fonte, tentado jogar uma moeda lá embaixo, do alto. Ela não teve força e a moeda caiu em cima da turistada que ficou olhando pra cima sem entender nada, tentando descobrir o q os acertou… Essa aí tadinha, pode ter perdido sua última chance de voltar a Roma…

Depois partimos a pé para o Pantheon, que fica na Piazza della Rotonda. Estava acontecendo uma missa na hora que chegamos, então a entrada para turistas estava vetada até umas 11h. Então paramos para descansar e curtir um sol aos pés da fonte que fica na praça, observando as pessoas e ouvindo um carinha que estava tocado musicas típicas italianas…

20130310-232600.jpg

Fontana di Piazza della Rotonda, com o Pantheon ao fundo

Decidimos voltar mais tarde, quando a igreja estivesse aberta e dali partimos para o Largo di Torre Argentina, que é um local onde podemos ver as ruínas de templos da época da antiga Republica Romana e, principalmente, dos banhos de Pompéia, que é o local onde acredita-se que aconteceu o assassinato de Júlio César.

20130310-233112.jpg

Ruínas dos templos do Largo di Torre Argentina

Isso é mais uma das coisas surreais de se estar em Roma… Da pra acreditar que a gente estava no mesmo local do assassinato de Júlio César?

Como era um sábado, dava para perceber de forma visível que as ruas tinham uma quantidade maior de romanos passeando e curtindo o final de semana de sol. Então decidimos nos juntar a eles (e mais um monte de turistas, obviamente). Pra começar fomos conhecer a feira do Campo dei Fiori.
A feira é muito legal e vende de tudo: frutas, verduras, couro, roupas, bebidas, temperos, azeites, flores e bugigangas de todos os tipos…

20130310-233620.jpg

Dia de feira no Campo dei Fiori

Barraquinha de suco de laranja na feira de Campo dei Fiori

Barraquinha de suco de laranja na feira de Campo dei Fiori

Fizemos umas pequenas compras e decidimos almoçar por ali, curtindo aquele clima, sempre com uma música típica italiana ao fundo, tocada e cantada por artistas de rua.

Como estávamos no clima, decidimos experimentar todas as etapas de um almoço italiano: vinho da casa, antipasto, primeiro prato, segundo prato e quem sabe, sobremesa e café… Derrotado muito antes de chegar o segundo prato! Impossível acompanha-los…

Pior que eu perguntei pra italianos (fora de restaurantes, claro) e eles confirmaram que o pessoal mas antigo realmente come isso tudo…

20130310-233758.jpg

Eu derrotado muito antes do Secondi Piatti chegar. Como os italianos conseguem?

O pior é que este segundo prato aí da foto, polenta assada com costeleta de porco, estava uma delicia… Pelo menos no final o garçom nos deu uma taça de limoncello (gigante) de cortesia.

Reflexão: antes de ir a Roma eu e Elisa nos preparamos para o pior em termos de cortesia… Nos disseram que os italianos eram rudes e mal-educados. Até agora não vimos nada disso e fomos muito bem tratados em todos os lugares (enquanto escrevo estamos em Florença, no segundo dia). Todos são muito simpáticos e solícitos, tanto nos hotéis quanto nos restaurantes. Uma coisa é verdade, eles são meio impacientes e são muito intensos, mas não confunda este jeito “intenso” com grosseria… Se você estiver no mesmo ritmo que eles, a relação será muito boa. Quer ver você arrancar um sorriso sincero de um italiano? Mande aquele italiano arrastado tipo novela da Globo, numa mistura de italiano, português e espanhol e eles vão adorar você… E ser brasileiro ajuda bastante, pois parece que todos simpatizam conosco.

Depois do almoço voltamos ao Pantheon e conseguimos entrar na igreja Santa Maria dei Martiri.

20130310-234008.jpg

Interior do Pantheon – Igreja Santa Maria dei Martiri

Depois de conhecer a igreja por dentro (com sua cúpula gigante e túmulos de grandes personalidades, como o pintor Rafael e vários monarcas italianos) seguimos em direção a Via del Corso para conhecer a badalada rua que é fechada para o transito nos finais de semana, recebendo romanos e turistas em busca de lojas de grife e pechinchas…

No caminho, tortuoso, fizemos paradas rápidas para fotos:

20130310-234755.jpg

Piazza Colonna

20130310-234857.jpg

Palazzo Montecitorio

Chegamos finalmente na Via del Corso, que já era um formigueiro…

20130310-235052.jpg

Vista para a multidão passeando e comprando na badalada Via del Corso

Fizemos umas compras rápidas e seguimos de volta pro hotel pois tínhamos que fazer nossas malas para a viagem do dia seguinte para Florença. Como esta estava em nosso caminho, subimos novamente a escadaria da Piazza di Spagna e paramos para um café espresso (lungo, sempre) e umas guloseimas.

20130310-235342.jpg

Scalinata di Spagna tomada pela multidão

Fizemos as malas e preparamos tudo para partirmos bem cedo…

Mais tarde na hora do jantar, percebemos que estávamos hospedados em um dos bairros mais chiques de Roma e nem tínhamos saído para conhece-lo ainda… Então seguimos para um passeio pela Via Veneto e jantamos por lá mesmo.

20130311-000104.jpg

Passeio noturno pela ruas do bairro do Veneto

Uma humilde Ferrari passa voando pela Via Veneto

Uma humilde Ferrari passa voando pela Via Veneto

Depois fomos dormir, tristes por estarmos deixando Roma pra trás com tantas coisas ainda por conhecer e vivenciar, mas ansiosos para conhecer Florença e a região da Toscana…

___

Para conhecer todos os detalhes sobre Roteiro Itália e Espanha 2013 clique aqui. Para ver todos os posts clique aqui.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s