Brasília, DF: Roteiro de 1 dia pelas principais atrações da Capital Federal

DIAS 17 E 18 DE ABRIL DE 2014
A melhor de forma de chegar na Chapada dos Veadeiros é através de Brasília. E como resistir a uma paradinha por nossa Capital Federal? Leia neste artigo tudo sobre nosso roteiro de um dia em Brasília, para ter uma visão geral sobre as principais atrações da Cidade Monumento, neste pit-stop perfeito para quem vai a Chapada dos Veadeiros!

Para ver todos os posts desta viagem, clique aqui. Para conhecer o roteiro completo, índice de posts, dicas sobre as cidades e resumo da viagem, clique no link abaixo:
Chapada dos Veadeiros e Brasília: Roteiro de 6 dias pelas maravilhas do cerrado

Desembarcamos em Brasília na noite de quinta-feira (dia 17/04) e ficamos hospedados no Hotel Manhattan Plaza Brasilia. Muito bem localizado na região central da cidade, o hotel ficava próximo da Torre de TV, local onde iniciamos nosso city tour pela cidade na manha do dia 18/04, no feriado da sexta-feira santa.

Vista do Hotel Manhattan

Vista do Hotel Manhattan Plaza

O PLANO ORIGINAL
A princípio a gente ia levantar bem cedo, fazer um city tour em ônibus aberto pra ter uma visão geral da cidade de Brasília e depois pegar a estrada para a Chapada dos Veadeiros. Antes de partir, nós planejamos seguir as recomendações do blog Nós no Mundo, com base neste post super completo que fala sobre o ônibus de 2 andares no estilo rópon-ropófe.

Nós no Mundo: City tour em Brasília nos ônibus de dois andares

Achamos a ideia bem legal, pois permitiria ter uma visão geral da cidade em pouco tempo. Como teríamos um dia bem corrido, a intenção era evitarmos ficar procurando vaga de estacionamento ou ficar circulando perdidos pela cidade…

Então deixamos o carro estacionado no entorno da Torre de TV e fomos procurar o danado do ônibus. A Torre de TV estava fechada para visitas por causa de uma obra que parecia ser um grande escada rolante e em volta uma feirinha começava a abrir suas primeiras barracas e lojinhas… Perguntamos às pessoas que trabalhavam por lá e a maioria sequer tinha ouvido falar do tal ônibus.

A Torre de TV, fechada para obras

A Torre de TV, fechada para obras

Procuramos em volta da torre e nas redondezas e não encontramos nem sinal do ônibus.

Informação: Mais tarde, pesquisando na internet eu descobri que o ponto de saída tinha mudado… Me parece que o tal ônibus agora sai apenas do Brasília Shopping e só circula apenas com um mínimo de 5 pessoas. Pelo visto o conceito ainda não “pegou” por lá…

O ROTEIRO DE 1 DIA EM BRASÍLIA
Então desistimos e resolvemos mudar a programação, fazendo o tal tour de carro mesmo, ficando mais ou menos assim:

  • Torre de TV
  • Catedral Metropolitana
  • Museu Nacional Honestino Guimarães (por fora apenas)
  • Praça dos Três Poderes
  • Visita guiada ao Congresso Nacional
  • Esplanada dos Ministérios
  • Museu Tancredo Neves
  • Palácio da Alvorada (por fora apenas. A visita completa foi feita no dia 23/04)
  • Brasília Shopping (Almoço)
  • Estrada para a Chapada

Achei meio complicado circular de carro, porque as quadras são muito grandes e os pontos de saída e retorno as vezes deixam a gente muito distante do local pretendido. Acabamos perdendo muito tempo procurando vaga pra estacionar e a gente tinha que parar meio longe e ficar caminhando naquele sol de rachar! Mas em compensação, tudo fica bem perto. É só seguir pelo Eixo Monumental e ficar admirando as maravilhas da arquitetura, babando…

A CATEDRAL METROPOLITANA E O MUSEU NACIONAL HONESTINO GUIMARÃES
Saindo da Torre de TV, começamos fazendo a primeira parada na Catedral Metropolitana. Estacionamos bem longe, porque estava acontecendo um evento ali perto e não tinha vaga pra estacionar nos arredores. Circulamos bastante e acabamos parando em frente a uns apartamentos parlamentares e fomos até a catedral caminhando.

No caminho para a Catedral Metropolitana

No caminho para a Catedral Metropolitana já dá pra ver a Esplanada dos Ministérios

A Catedral foi o primeiro monumento criado em Brasília e é muito mais bonita do que eu tinha imaginado…

Entrada da catedral, lotada de turistas

Entrada da catedral, lotada de turistas

O lado de fora já impressiona por sua beleza moderna e até inusitada. Como tudo em Brasília, a arquitetura da Catedral é ousada e ignora os padrões clássicos de templos religiosos, jogando por terra tudo que a gente espera de uma igreja (no bom sentido).

Na entrada, Estátuas dos Quatro Evangelistas nos dão boas vindas, em estilo moderno com formas irregulares, já antecipando o estilo da decoração da bela igreja.

01 Brasília DF (7)

Vista para a bela Catedral Metropolitana de Brasília

Por dentro a catedral é até pequena se comparada com catedrais de outras grandes cidades, mas o salão é espaçoso e imponente. A iluminação é captada pelos lindos vitrais em azul e verde, que recebem a luz natural e espalham uma coloração azulada por todo o salão que dão um efeito muito bonito.

01 Brasília DF (8)

Os belos vitrais da cobertura da Catedral

Ao lado das obras de arte com o estilo modernoso típico de Brasília e as obras de Di Cavalcanti na Via Sacra, uma réplica da Pietá de Michelangelo chama atenção no lado esquerdo do salão…

01 Brasília DF (9)

Réplica da Pità de Michelangelo

O altar fica até meio encolhido no meio daquela exuberância de cores da arquitetura. Acostumados ao clima solene e meio melancólico da maioria das igrejas, a Catedral de Brasília nos deixou bem impressionados.

01 Brasília DF (10)

O destaque da igreja é a arquitetura e o altar quase passa despercebido

O Museu Nacional Honestino Guimarães fica ali bem ao lado da Catedral, mas decidimos não entrar no museu, porque a gente não tinha muito tempo a perder. Ficamos um pouco vendo uma exposição de arte com sucatas do lado de fora, curtimos a arquitetura do local e voltamos pro carro.

Entrada do Museu Honestino Guimarães

Entrada do Museu Honestino Guimarães

PRAÇA DOS TRÊS PODERES
Seguimos de carro e sem querer acabamos em um caminho meio alternativo que tinha uma estradinha  de terra no meio de um grande gramado. Com certeza eu fiz alguma coisa muito errada e corri o risco de levar uma multa, mas juro que foi sem querer… Dei sorte, porque no meio do feriado a cidade parece carecer de “autoridades” para nos repreender. rs

01 Brasília DF (11)

No caminho, mais um belo exemplar da arquitetura moderna de Brasília: Prédio da Procuradoria Geral da República

Depois dessa bandalha, de algum jeito acabamos estacionando bem embaixo da entrada do Museu Tancredo Neves, onde entramos apenas mais tarde no caminho de volta.

01 Brasília DF (12)

O Panteão da Pátria – Museu de Tancredo Neves

Na Praça dos Três Poderes temos uma visão geral dos edifícios que representam o centro de poder do pais, avistando os maiores monumentos e maiores ícones da cidade de Brasília, como: Palácio do Planalto (Poder Executivo), o Supremo Tribunal Federal (Poder Judiciário) e o Congresso Nacional (Poder Legislativo).

01 Brasília DF (13)

Escultura dos “Candangos” e ao fundo o Palácio do Planalto

01 Brasília DF (14)

Superior Tribunal de Justiça

01 Brasília DF (15)

Vista para os fundos do Congresso Nacional

Ficamos circulando pela praça, debaixo daquele sol inclemente do cerrado e decidimos ir até o Congresso Nacional, atravessando o jardim.

01 Brasília DF (16)

Os lagos artificiais do Congresso Nacional e ao fundo a Esplanada dos Ministérios

Da entrada do Congresso Nacional temos uma belíssima vista da esplanada dos ministérios e dos lagos artificiais e jardins. O visual ali é realmente impressionante, pois naquele local nos damos conta de que estávamos mesmo em Brasília. Pra mim, não existe edifício mais emblemático do que o Congresso Nacional!

01 Brasília DF (17)

O Congresso Nacional

01 Brasília DF (18)

A famosa rampa de acesso ao Congresso Nacional

VISITA GUIADA AO CONGRESSO NACIONAL
Demos sorte, porque assim que chegamos eles estavam distribuindo senhas para a visita guiada ao Congresso Nacional. Todas as visitas são gratuitas, acontecem no período de 9:30 as 17h e tem duração de aproximadamente 50 minutos.

Programe-se: As visitas guiadas completas podem ser realizadas aos sábados, domingos, segundas e sextas sem necessidade de agendamento prévio. De terça a quinta, a visita completa pode ser feita apenas com agendamento. Mais informações no site oficial.

A visita começa no Salão Negro de forma independente, enquanto esperamos a disponibilidade da guia e podemos conhecer a exposição do Museu do Senado, com obras de arte, fotos, quadros, objetos e mobiliários da época em que o Senado Federal ficava na cidade do Rio de Janeiro.

01 Brasília DF (19)

Quadro com cena de antigos senadores e pessoas ilustres no Rio de Janeiro

01 Brasília DF (20)

Exposição de antigo mobiliário do plenário

A visita guiada propriamente dita começa em um salão onde é apresentado um vídeo explicativo, falando um pouco da história da construção do edifício do Congresso Nacional e a História das Casas Legislativas brasileiras. A visita é conduzida por guias muito bem capacitados, que na verdade são funcionários do Congresso nos horários normais.

Jardim de Burle Max e Azuleijos de Athos Bulcão

Jardim de Burle Max decorado com Azulejos de Athos Bulcão

O legal da decoração interna é que além da arquitetura arrojada, toda a decoração é repleta de obras de artistas brasileiros e internacionais.

São nomes como: Athos Bulcão, Marianne Peretti, Alfredo Ceschiatti, Di Cavalcanti e Burle Marx.

A visita segue para o Salão Verde, que é o local onde os parlamentares concedem entrevistas a imprensa. Neste primeiro salão, podemos admirar obras de arte como um jardim concebido por Burle Marx, revestido por painel de azulejos criado por Athos Bulcão.

01 Brasília DF (21)

Salão Verde

No meio do salão se destaca o “Anjo”, de Alfredo Ceschiatti, em bronze dourado e ao fundo o mural “Alegoria de Brasília”, pintado por Di Cavalcanti.

01 Brasília DF (23)

Alegoria de Brasília – Obra de Di Cavalcanti

01 Brasília DF (24)

Fragmento de Anjo – Escultura de Alfredo Ceschiatti

Em seguida o grupo pode conhecer um pouco mais da casa através da maquete.

O grupo escuta atentamente a explicação da guia sobre a maquete do Congresso Nacional

O grupo escuta atentamente a explicação da guia sobre a maquete do Congresso Nacional

Na seqüência visitamos o plenário dos deputados, local onde ocorrem as sessões de votação e pudemos sentar nas cadeiras e ver de pertinho o sistema de votação. Depois conhecemos Gabinetes de Deputados, salas reservadas para encontros oficiais e reuniões.

Câmara dos Deputados

Câmara dos Deputados

01 Brasília DF (25)

01 Brasília DF (26)

No Senado Federal um detalhe curioso: no carpete azul em frente a cadeira do presidente do senado, um trabalho artístico com imagens da Bandeira Nacional, uma vista em perspectiva do Congresso Nacional e outra da Catedral Metropolitana. Os desenhos são feitos com marcações sobre o carpete forma espontânea, por um dos funcionários do Congresso, que muito carinhosamente renova os “afrescos” improvisados periodicamente.

01 Brasília DF (27)

Senado Federal

No alto, acima da cadeira do presidente, um busto de Rui Barbosa, patrono do Senado (se você perdeu, clique aqui para ver o que falamos sobre Rui Barbosa neste post sobre o Museu-Casa de Rui Barbosa no Rio de Janeiro).

ESPLANADA DOS MINISTÉRIOS E MUSEU TANCREDO NEVES
Depois do final da visita, retornamos para a frente do Congresso e seguimos em direção a Esplanada dos Ministérios. Caminhamos um pouco, mas as ruas estavam desertas e decidimos não nos afastar muito do carro, porque a fome estava apertando e a gente precisava procurar um lugar para almoçar.

01 Brasília DF (28)

Prédio do Ministério da Justiça

01 Brasília DF (29)

Mais uma imagem do Congresso Nacional, em outro angulo

Antes de voltarmos pro carro, entramos no Museu Tancredo Neves, que conta um pouco de suas história… Na verdade o museu (com entrada gratuita) é meio sem graça e o que vale mesmo é a vista que temos de lá do alto, perto da Pira da Justiça.

01 Brasília DF (31)

Vista para a Praça dos Três Poderes

01 Brasília DF (32)

Vista para o Museu Tancredo Neves

PALÁCIO DA ALVORADA
Antes de partirmos para o almoço, fizemos uma parada no Palácio da Alvorada, que fica um pouquinho afastado dali… O Palácio, que é a moradia oficial do presidente, só abre para visitações as quartas-feiras, das 15h as 17h com duração de aproximadamente 60 minutos e distribuição de senhas por ordem de chegada.

01 Brasília DF (33)

Vista para o Palácio da Alvorada

Aguarde nosso post sobre a visita ao Palácio da Alvorava, que fizemos no dia do retorno da Chapada, que por sorte caiu bem numa quarta-feira e conseguimos encaixar direitinho no roteiro. Quando chegamos lá na sexta-feira eram mais ou menos 14h, então se fosse uma quarta-feira daria perfeitamente para fazermos tudo num dia só…

Mas atenção: Em caso de chuva, a visita é suspensa… pro nosso azar, tivemos nossa visita interrompida bem no meio, mas valeu a pena. Contamos mais detalhes mais tarde!

ALMOÇO NO BRASÍLIA SHOPPING
Depois disso tudo, partimos para almoçar no Brasília Shopping, pois a gente queria aproveitar para comprar alguns itens essenciais básicos que, na correria, a gente tinha esquecido de levar na mala: repelente, protetor solar e roupas de banho!
Fiquei abismado, mas numa cidade grande como Brasília, todas as lojas do Shopping estavam fechadas para o feriado e não conseguimos encontrar nem um biquininho sequer… Então fica de conselho para quem estiver indo a Chapada no feriado: não esqueçam de levar roupa de banho!

Perdemos um tempo precioso procurando isto, então desistimos, almoçamos no shopping e em seguida partimos para nossa aventura na Chapada dos Veadeiros, evitando pegar a estrada muito tarde, porque a gente ainda tinha umas 5h de viagem pela frente!

Booking - Banner 728x90


Para saber tudo sobre nosso Roteiro de 6 dias pela Chapada dos Veadeiros e Brasília, clique aquiSe preferir, clique nos links a seguir para ler todos os posts sobre Brasília (DF), Chapada dos Veadeiros (GO) e Vila de São Jorge (GO).

Anúncios

2 pensamentos sobre “Brasília, DF: Roteiro de 1 dia pelas principais atrações da Capital Federal

  1. Olá, sou de Brasília e me pergunto por que não compraram o bikini no Brasília Shopping (?) hahah
    Aqui fica bem deserto no feriado, geralmente, as pessoas saem da cidade pra aproveitar.
    E a obra espelhada que vocês encontraram no caminho é a Procuradoria Geral da República, mais conhecida como PGR por aqui, lindíssima!

    Curtir

    • Olá Tamires!
      O pior é que fomos para o Brasília Shopping exatamente pra isso, mas todas as lojas estavam fechadas. Só os restaurantes estavam abertos…
      E como a gente não conhecia a cidade, não sabíamos onde mais poderíamos procurar. Se as lojas do shopping estavam fechadas, provavelmente tudo estaria fechado na cidade. Desistimos…

      Sobre a PGR, já até atualizei a legenda da foto. Valeu! hehehe

      Fiquei muito impressionado com a arquitetura de Brasilia. Você realmente mora em uma “cidade monumento”! Precisamos voltar um dia com mais calma, pois tem muita coisa que não conseguimos ver ainda…

      Abraço!

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s